Aquilo deu nisso – 6

Águas da crise

(Paródia de “Águas de Março”, de Tom Jobim)

 

É pau, é ferro, é o fim dos caminhos

É o euro, é o dólar, despencando sozinhos

É o caos, é o Bush, é Obama, é Mckain

É um exit ou push, é o mal, é o bem

É a crise chegando, é um nó, roubalheira

O discurso do Lula é uma grande canseira

Mamadeira de banco, tombo na financeira

É a bolsa afundando, hora da rezadeira

É ministro falando uma nova besteira

É a figa, oração, é a macumba primeira

É a bolsa subindo, é conversa de feira

O dinheiro do povo é a poupança caseira

Tá de volta a inflação, risco de quebradeira

Passarim, passarão, papagaio na esteira

É uma vela pra Deus, é uma vela pro cão

É um despacho pra santa globalização

É o fundo perdido, é o fim do pavio

O meu bolso fodido, tá furado e vazio

É um desfalque, é um cheque, é sem fundo o desconto

FMI tá voltando, o vigário e seu conto

É um juro indigesto, é uma prata brilhando

É o ouro amanhã, desemprego arrochando

É a lenda, é o mito, é o fim do lulismo

É a bolsa família, chega de populismo!

É o projeto do homem, é o plano na lama

O poder diaraque, é a cana, é a cana

É um abraço no Chávez, é um chute no Sam

É um beijo na Dilma, pra depois de amanhã

São as águas da crise molhando o PT

É a promessa, um deslize, o que é que vai ser?

É uma sombra, é pré-sal, tem petróleo no mar

O governo não quer Petrobras pra explorar

São as águas da crise molhando o PT

É a promessa da volta do PSDB

É pau, é ferro, é o fim do império

E o resto da grana é um tremendo mistério

É um abraço no Chávez, é um chute no Sam

É um beijo na Dilma, pra depois de amanhã

São as águas da crise molhando o PT

É a promessa, um deslize, o que é que vai ser?

 

 

 

Este post tem 13 comentários

  1. Sílvio Ribas

    Matou a pau. Li com a música na cabeça acompanhando. Muito bom… Sílvio Ribas

  2. Jorge,
    Boa paródia.Parabens pelo site, esta bem legal.
    Abços, Zecarlos Lassi

  3. Lígia Jacques

    Êta, parceirinho da pesada! Você com essa se superou!!! Bom demais!!!

    Beijo,

    Lígia Jacques

  4. Muito boa a paródia, Jorge. Precisamos exercer nossa veia cômica nesses tempos de perplexidade. Lino.

  5. Um deboche só. Muito divertida a paródia. Parabéns pelo blog, Adorei. Continue. Você arrasa! Antenor.

  6. Parabéns, Jorge!
    Se você não fosse escritor, não seria nada melhor.
    Um grande abraço,
    Lourdinha

  7. Lúcio Jr

    Oi, Jorge, tudo bem? Quantos escritores e gente do meio cultural por aqui! Sei que vc. gosta de Hemingway, então gostaria de recomendar o blog do neto dele para vc (e vc para ele, que lê português): http://www.johnhemingway.blogspot.com. Gostaria também de te mandar um artigo sobre Axel Honneth, filósofo que cairá no vestibular da UFMG. Abraços do Lúcio Jr.

  8. Ana Maria Junqueira Maciel

    Oi Jorge,
    Só a palmeira é que secou. Você está cada vez mais fértil. A literatura agradece.Um abraço da Ana.

  9. Zélia Maria Ferraz Barbosa

    Jorge,

    Gostei do texto. Mas devo confessar que não o motivo do meu contato.
    Na verdade, gostaria de descobrir o contato do Cunha de Leiradella.
    Eu o conheci no tempo do TECLA – Teatro Clube da Amizade e há muito tempo não falo com ele e, ultimamente tenho me lembrado muito e descobri você.

    Então, se fosse possivel, gostaria que me enviasse o endereço dele para que eu possa contactá-lo.

    Agrade a atenção.

    Um abraço,

    Zelinha

  10. rollerfebaybe

    Hi all

    I like Your site. It is very interesting. Do You have RSS I want to add to my favorites.
    Let me know when it will be ready. Kee it UP.
    see You Szczecin Hotele

Deixe uma resposta